28 de março de 2017

Palavra do Patriarca Regente

Amados Irmãos, que em tempos de tempestades e dificuldades, possamos, sempre, nos lembrar de que nosso maior objetivo é sermos construtores sociais e verdadeiros maçons. Este identifica, nos preceitos da Liberdade, Igualdade e Fraternidade entre os homens, os pontos cardeais de honra que norteiam suas vidas. A glória e a beleza de uma Pátria, a sensação do civismo, da justiça e da equidade devem ser bens inalienáveis e acessíveis a todos, sem exceção. Que possamos aprender a desbastar nossas diferenças, unificar nossos objetivos, exercitar a convivência de forma harmoniosa e focar, em nossa relação humana, no reconhecimento mútuo e no exercício do amor fraterno. Que possamos perceber e entender que nada existe de mais lúcido e enobrecedor do que distinguir mais e melhor nossos próprios irmãos, desvendar seus sonhos e aspirações e decifrar o imaginário que está contido em cada um de nós. Aprender a conhecer suas origens, as suas histórias de vida, seus erros e seus acertos, sem medos, atavismos, preconceitos ou julgamentos! Ao conseguirmos isto, a prática Maçônica passará a ser um processo mais verdadeiro de aproximação humana e de real aprimoramento, rompendo as velhas e conhecidas barreiras individualistas e materialistas da sociedade. Busquemos, em nossas oficinas, gestos salutares de serenidade, justiça, equidade e evolução espiritual, para que, ao nos retirarmos do templo, levemos conosco o propósito de darmos início ao verdadeiro trabalho, o de preservar o passado, fazer a diferença no presente e melhor futuro, para nossos filhos e netos, com vistas à construção de um mundo justo e perfeito.

Vivat…Vivat…Vivat…
WALDEMAR ALBERTO CHAVES COELHO
Patriarca Regente